O bêbado bem vestido entra em um bar de grã-finos e grita:
— Uma rodada de uísque pra todo mundo! Por minha conta!
Inclusive pra você, barman!
O barman serve uísque pra todos que estão no bar e toma a sua dose.
Um minuto depois o bêbado grita:
— Mais uma rodada pra todo mundo! Por minha conta!
— Com licença — interrompe o barman — Será que não seria melhor o senhor pagar a primeira rodada antes de pedir a segunda?
— Eu não posso! — responde o bêbado, com naturalidade — Eu não tenho dinheiro!
O barman pega o bêbado pelo colarinho e o coloca pra fora do estabelecimento, a pontapés.
Uma semana depois o mesmo bêbado entra no bar, na maior cara de pau, e grita:
— Uma rodada de uísque pra todo mundo! Por minha conta!
O barman olha pra ele furioso e ele emenda:
— Menos pra você, barman… Você, quando bebe, fica muito violento!