Um grupo de amigos está jogando xadrez, disputando um pequeno campeonato e um bêbado fica ao lado, da mesa só assistindo. As horas vão se passando. Uma, duas, três, quatro, cinco… E o bêbado continua lá. Até que um dos amigos resolve ver se ele quer jogar:
– Ei, amigo! Você está aí olhando a gente jogar há horas. Vem jogar também!
– O quê? – disse o bêbado, revoltado – Xadrez? Eu não tenho paciência pra esse negócio não!