Lula, encarregado do churrasco na sede do PT, ficou surpreso ao verificar que havia um monte de sacos de cal no local do churrasco. Perguntou ao auxiliar:
– Quem pediu esses sacos de cal?
– O senhor – respondeu o rapaz.
– Eu? – perguntou indignado.
– Sim, foi o senhor mesmo, companheiro.
– Mas como você me acusa de uma coisa dessas, companheiro? – esbraveja irado, elegante com sua face vermelha combinando com um terno Armani novinho.
– Lógico! – Disse o jovem mostrando ao ilustre o bilhete que o mesmo havia deixado para compras. Estava claramente escrito: 102 kilo de CAL –
– Mas você é iletrado mesmo, companheiro! – disse o Lula, babando de ódio com a ousadia do pentelho.
– Apenas esqueci de por cedilha no C. É lógico que era ÇAL para o churrasco. E aonde você viu que eram 102, seu retardado? Escrevi 1 ô 2 kilo, seu burro!!!