O caipira ganhava todas as apostas das brigas de galos daquele vilarejo,
quando um sujeito da cidade, cansado de perder, chega para ele e pergunta:
– Meu amigo, vejo que o senhor é um grande entendido em brigas de galos.
– É…- respode timidamente o caipira.
– Pois eu já perdi quase todo meu dinheiro. Não acertei uma aposta…
pode me ajudar e dizer qual é o galo bom da próxima luta?
– O bom é o galo branco – responde o caipira.
O sujeito da cidade, rapidamente, aposta todo o resto do seu dinheiro
no galo. Quando acaba a luta, ao ver o galo branco derrotado ele vai ter
novamente com o caipira: – Você não me disse que o galo branco é que era o bom?
– Pois entonces… o branco era o bom… o preto é que era o marvado!