O Português foi ao banco com um amigo e enfrenta uma enorme fila. De
repente, o amigo sai para comprar cigarros e volta esbaforido:
– Manoel, Manoel – grita quase sem fôlego. – Estão roubando o seu carro.
O Manuel sai em disparada e volta dois minutos depois.
– E aí? – pergunta o amigo. – Conseguiu pegar o cara?
– Não! Mas anotei a placa!