Na volta de sua viagem ao Brasil, em plena época da Inquisição, Pedro Alvares Cabral vai visitar o Papa.
– Quer dizer que foi o senhor que descobriu o Brasil? – pergunta-lhe o Sumo Pontifície.
– Perdão, Santidade! Juro que foi sem querer!