Dono de uma capacidade invejável para arranjar desculpas, o piloto atende o telefone em plena madrugada:
– Alô!
– Comandante Rolim Murchim, aqui é da empresa aérea TAM-TAM. Acontece que temos um vôo para Tóquio daqui a duas horas e o piloto titular avisou que está doente. Você tem que vir pra cá imediatamente.
– Alô! Alô! – fez o piloto.
– O chefe me preveniu que você ia querer inventar uma desculpa para não vir e mandou avisá-lo que se você não estiver aqui dentro de meia hora vai perder o emprego.
E o piloto, cutucando a mulher e falando bem alto:
– Querida, acho que é alguém querendo falar com o seu marido!