A patroa, depois de agüentar muitos desaforos, vira-se para a empregada:
– Cremilda, você está despedida!
– Mas, por quê, dona Lúcia?
– O seu trabalho está cada dia pior! O pouco que faz, faz mal feito! Eu já estou farta disso! Toma aqui o seu dinheiro e suma da minha frente!
A empregada pega o dinheiro, agradece e antes de sair tira uma nota de 10 e joga para o cachorro.
– Mas que atrevimento! – brada a patroa.- Jogar dinheiro para o cachorro!
– É que ele fez por merecer, dona Lúcia. Já faz mais de um mês que é ele quem lava a louça!