A loira conta pro psiquiatra:
— Sabe, doutor, eu estou completamente apaixonada pelo meu cachorro!
O médico tenta tranqüiliza-la:
— Calma, eu e minha mulher também amamos nossos gatos… Você só tem este animal?
— Não, tenho uma cadela também!
— E você é apaixonada também pela sua cachorra? — pergunta o médico.
— O quê? — exclama a loira — O senhor tá pensando que eu sou sapatão, é?