Três homens de negócio, um francês, um italiano e um
brasileiro, estavam viajando lado a lado num vôo
internacional. Várias doses de bebida depois,
começaram a conversar sobre suas vidas íntimas.
— Esta noite fiz amor com minha mulher quatro vezes
contou, orgulhoso, o francês. — E de manhã ela me
fez um delicioso crepe, jurando que me adora.
— E eu dei seis — Bravateou o italiano. — No café da
manhã, minha mulher me fez uma suculenta omelete e
me disse que jamais poderia amar outro homem.
O brasileiro ficou quieto o tempo todo. Para surpresa
de seus dois companheiros de vôo, manteve-se em
completo silêncio, quando chegou a sua vez de falar.
O francês não resistiu e ousou perguntar:
— E você? Quantas vezes você fez amor com sua mulher,
esta noite?
— Uma. — Respondeu ele sem qualquer constrangimento.
O italiano, sem evitar um certo ar de gozação, não
resistiu e atiçou:
— Só uma???? E o que ela lhe disse de manhã?
— Não pare!