Sofrendo com o frio, Manoel vai até a farmácia e pede um saco de água quente.
— É para aqueceire os pés na cama! — explica ele para o farmacêutico.
— Olha, no momento este produto está em falta, mas eu posso lhe dar uma indicação… Lá em casa eu tenho um gato e coloco ele nos pés da cama… Não é a mesma coisa, mas ajuda bastante!
Empolgado com a sugestão do farmacêutico, Manoel passou numa Pet Shop e comprou um gato siamês.
No dia seguinte ele chega na farmácia, furioso, com arranhões espalhados por todo corpo.
— O que aconteceu? — perguntou o farmacêutico, aflito.
— Ora pois! Tudo isto foi graças a sua idéia maluca de colocar um bichano nos pés!
— Por quê? — tornou ele, sentindo-se culpado — O gato era muito bravo?
— Não… Era mansinho… Mas precisa ver o trabalho que deu para colocaire água quente dentro dele!