Na cama, completamente sem sono, Joãozinho grita para a mãe, na cozinha:
– Manhê! Me traz um copo d’água?
– Fica quieto e dorme, Joãozinho!
O garoto fica em silêncio por menos de um minuto.
– Manhê! – ele grita novamente – Me traz um copo d’água!
– Não enche, moleque! Vê se dorme!
– Ah, mãe… Eu tô com sede… Traz um copo d’água, vai?
– Joãozinho, Joãozinho! Se eu for aí eu vou te bater!!!
– Tá… Mas quando vier me bater, traz um copo d’água!