E naquela festa grã-fina o garçom oferece, gentilmente, uma bebida para uma das convidadas:
– A Senhorita aceita mais um uísque?
– Não, obrigada… Me faz mal para as pernas…
– Elas adormecem? – pergunta o garçom?
– Não… Elas se abrem!