m um bairro de classe média de Pintamonhangaba, haviam três vizinhas que sempre penduravam as roupas no mesmo varal, nos fundos de suas casas: Sofia, Sotia e Somãe.
Todas as vezes que chovia, Sofia e Sotia tinham que correr para pegar as roupas e, mesmo assim, elas já estavam completamente ensopadas.
— Assim não dá! — resmungou Sofia para Sotia, certa vez.
— Como será que a Somãe faz pra saber quando vai chover? Ela nunca põe as roupas pra secar quando chove!
— Eu estou ouvindo tudo! — advertiu Somãe, saindo de sua casa.
— Vocês querem mesmo saber como faço pra saber quando vai chover? Pois eu vou contar!
— Eu e meu marido dormimos completamente nús e, assim que eu acordo, olho pro pênis dele. Se estiver pro lado esquerdo, não vai chover! Então eu estendo as roupas tranqüilamente.
— Agora, se o danado estiver pro lado direito, é chuva na certa! Aí eu deixo pra estender as roupas no dia seguinte!
— Tá brincaaaaaando! — exclamou Sofia, de boca aberta — Mas pera um pouco! E se o pinto dele estiver pra cima?
— Ah, vocês acham que eu vou lavar roupa num dia desses?