O sujeito foi visitar, na UTI, o amigo japonês, vítima de grave acidente automobilístico.
Encontrou o japa todo entubado, era tubo daqui, tubo dacolá, fios pra todo lado.
Ficou ali, parado, de pé na beira da cama.
O japa, de olhinhos fechados, não respondia às perguntas do amigo, mesmo porque não falava português.
Em dado momento, fazendo um esforço enorme, o japa arregalou os olhos e gritou:
“TYRABOTA NAKAYOBA, SUSHIMASHUTA!”
Dito isso, suspirou e morreu.
Na missa de sétimo dia, o sujeito foi dar os pêsames à família do morto.
Já estava indo embora, quando se lembrou de perguntar à mãe do japa:
– Olhe, dona Fumiko, o Sujiro, antes de morrer, me disse estas palavras:
“TYRABOTA NAKAYOBA, SUSHIMASHUTA!”
O que isso quer dizer?
Dona Fumiko olhou espantada para o sujeito e traduziu:
“TIRE O PÉ DA MANGUEIRINHA, FILHO DA PUTA!”