O português ia belo e folgado dirigindo a sua Besta numa estrada, ao lado de sua esposa, quando um guarda faz sinal para ele parar.
– Os documentos da Besta, por favor!
– Pois não, seu guarda! Cá está! O CIC, o RG e o meu Título de Eleitor! Tudo direitinho!
– Não é nada disso! Eu quero os documentos da Perua! – pede oguarda.
Então, o português vira-se para sua mulher e diz:
– Ô Maria, o homem quer ver os seus documentos!