Todo dia um bêbado muito chato chegava no bar, tomava umas pingas e depois ficava enchendo o saco de todo mundo. A coisa piorou quando ele começou a falar mal da mãe do Luiz, o dono do bar, que não agüentou e um dia para acabar com o papo do pinguço, colocou soda cáustica na pinga dele.
O bebum tomou e não falou nada. Saiu como se nada tivesse acontecido.
No outro dia, com remorso, Luiz foi procurar o bêbado e surpreso, ao ver o bêbado firme e forte, perguntou:
— E aí, gostou da cachaça de ontem?
O cachaceiro respondeu:
— Até que ela é gostosa, mas não vou querer tomar mais não.
— Porque? – perguntou Luiz.
— Por que ontem, quando cheguei em casa, fui mijar e a privada ficou toda furada!