O casal chega na lua-de-mel, tranca-se no quarto e a noiva começa:
– Benzinho, tenho uma confissão para te fazer!
– Fala, meu amor!
– Você sabe por que eu quis casar virgem? Porque eu tenho vergonha dos meus seios de tão pequenos…
– Ora, eu não me importo com isso! Mas também tenho uma coisa para te confessar…
– O que é?
– Você sabe por que eu nunca insisti para fazer sexo com você?
– Por quê?
– É por causa do tamanho do meu membro… é igual um recém-nascido!
– Assim pequenininho?
– Não amorzinho… tem uns cinqüenta centímetros e pesa uns quatro quilos!