Certa vez, um anãozinho desses bem baixinhos mesmo, estava passando por uma rua em que acabara de ocorrer
um acidente de carro. Aquele multirão de gente, todos em volta do acidente, não permitiam que o anão visse o
acidente.
Ele tentava passar por baixo das pessoas, mas não tinha espaço. Então ele pensou:
– Se eu não consigo passar usando a força, vou passar usando a inteligência.
O anão gritou:
– Abram espaço! Chegou o irmão do morto!
Todo mundo saiu da frente.
Quando ele conseguiu passar, e olhar a vítima, percebeu que era um burro, que um caminhão tinha atropelado.