O caipira leva a sua vaca para cruzar com o touro da vizinha. Depois de ajudá-los no que podiam, os dois ficam
ali, pendurados na cerca, olhando os animais transarem.
Aí o caipira muito do malandro, olha com malícia para a vizinha e comenta:
– Cumadre, eu tô doidinho pra fazer aquilo que o seu touro tá fazendo na minha vaca!
E ela:
– Entonces vai lá, cumpadre! A vaca não é sua?