Semana Santa, o sujeito no maior porre na porta de um boteco vê a procissão passando… alguns religiosos estavam carregando uma Santa num andor todo verde e rosa, quando ele berra:
– Olha a Mangueira aí, gente!
Enfezado, o padre vira-se para o bêbado e esbraveja:
– Mas que falta de respeito, seu excomungado! Sai fora!
Nem bem acabou de falar, a Santa bate num galho de uma mangueira, cai e se espatifa no chão.
E o bêbado:
– Bem que eu avisei!