O sujeito abre a porta e dá de cara com a sogra.
– Olá, sogrinha! – cumprimenta ele, fingindo satisfação.
– Que bom que a senhora veio nos visitar.
Então ele percebe que ela está com uma maleta nas mãos.
– Quanto tempo a senhora pretende ficar com a gente? – pergunta
preocupado.
– Ah! Acho que até vocês se cansarem de mim!
– Sério mesmo? Não vai nem tomar um cafezinho?