Bairro pobre de uma cidade qualquer do Brasil. Há um tumulto, um corre-corre logo depois da esquina. O que é? Vamos ver. Ah, não é nada de mais: apenas uma desesperada turba de famintos que persegue cinco apetitosos pãezinhos. Os pãezinhos correm, se escondem, fazem o que podem para sobreviver. Após alguns minutos nessa guerra, apenas um dos pãezinhos consegue escapar. O sobrevivente foge por uma rua pouco movimentada. Logo adiante, o pãozinho vê um garboso filé de uns três, quatro quilos andando calmamente. Aí o pãozinho grita para ele:
— Cuidado! Não vá por aí. É melhor você voltar. Tem uma multidão faminta bem ali na frente.
O filé continua andando tranqüilamente enquanto diz ao pãozinho:
— Qual nada! Não há perigo nenhum. Aqui ninguém me conhece.