Ao perceber que o touro reprodutor do seu patrão está indisposto para reproduzir, o tratador vai até o veterinário e explica o problema. O doutor recomenda o medicamento:
— Carlos, encha esse tudo com esse pó branco. Depois é só colocar nas narinas do touro e soprar. Isso aqui é como se fosse um Viagra, só que em maiores proporções, pra fazer efeito em bicho grande! Você vai ver, amanhã o danado tá cheio de disposição. No dia seguinte o Calos volta ao consultório do veterinário.
— E então, Carlos? O remédio…
— Doutor, doutor! — interrompe o tratador, afoito — O senhor sabe onde tem um puteiro por aqui, doutor?
— Puteiro? — estranhou ele — Mas pra que puteiro, Carlos? Tá louco?
— É que ontem eu coloquei o pó no tubo, fui soprar no nariz do touro… E o filho da mãe soprou primeiro!