O enfermeiro para um indivíduo sentado na sala de espera do Hospital:
– O senhor é o DOADOR de sangue?
– Não, sou o DA DOR de estômago.