Numa casa para deficientes, o professor ia passando no refeitório quando o cozinheiro lhe pergunta:
– Quer uma torta, professor?
– Não, agora não, obrigado! Acabei de comer uma ceguinha!