O Gaúcho entra no bar, bate no balcão e grita:
– Me dá um “rabo-de-galo” duplo!
Muito amedrontado, o barman traz o pedido rapidamente.
O sujeito bate novamente no balcão e grita:
– Pode misturar meio litro de gasolina!
O barman obedece.
– Coloca umas colheres de formicida também!
O barman, morrendo de medo, obedece e observa o gaúcho puxar orevólver, esvaziar uma bala e despejar a pólvora na mistura.
Ao vê-lo pronto para beber, o barman cria coragem e o previne:
– Ei! Você está louco, se beber isso vai morrer!
Ao que o gaúcho responde:
– Mas de que vale viver se o homem que eu amo não me quer mais???