O bêbado entra na zona e grita:
– Eu quero uma puta! Eu quero uma puta!
O gerente, preocupado com a reputação da casa, pede para uma moça lhe levar para um dos quartos e lhe dar uma boneca inflável.
Dez minutos depois o bêbado está de volta:
– Me manda outra puta que aquela lá é maluca!
– Maluca? – perguntou o gerente, se fazendo de besta. – Como assim?
– Eu dei uma mordida na bunda dela, ela deu duas cambalhotas e saiuvoando pela janela!