Um dinamarques estava bebendo no bar durante toda a noite.
Até que o
garcom o chamou e lhe falou que o bar estava fechando. O
dinamarques,
educadamente, pediu licença, tentou se levantar e caiu
estatelado em
frente ao garcom tentou se levantar mais uma vez e teve o mesmo
resultado.
Assim, ele pensou em rastejar até a porta do bar, onde, ao
ar livre,
poderia adquirir algum ar fresco e esperancosamente isso o
deixaria
ficar
sobrio o suficiente para poder se levantar.
Uma vez fora do bar, ele tentou se levantar e caiu
novamente de cara no
chao. Ja cansado, decidiu rastejar os quatro quarteiroes
ate´ a casa dele
e, quando chegou a porta, tentou se levantar mais uma vez
com o mesmo
resultado.
Exausto , ele se rendeu… E, entao, foi rastejando para o
quarto. Quando ele alcancou a cama, tentou se levantar mais uma
vez. Nesse momento, ele conseguiu se colocar na vertical, mas
caiu
direto na cama e
pegou no sono assim que deu com a cabeca no travesseiro.
Na manha seguinte, ele acordou com a esposa em cima dele
dando-lhe um
tremendo esporro:
” Bonito, hein, ate´ tarde na rua bebendo novamente!!”
” Quem disse isso?” perguntou com olhar inocente.
” Ligaram do bar, de novo voce esqueceu a sua cadeira de rodas