Origem dos “quase Homens”
O homem provavelmente deve ter surgido a uns 60 milhões
de anos, mas, as bichas devem ter surgido a uns 70
milhões (bicha adora aparecer antes que todo mundo),
mas os primeiros registros só foram feitos a uns 2 mil
anos…
Foi na Roma Antiga, onde por falta de mulheres eram
recrutados alguns rapazes alegres para satisfazerem os
soldados. Eram os chamados “fronhanmordedoriums”.
Ao longo da história, alguns desses rapazes chegaram a
ocupar cargos importantes: dizem que Pilatos ao lavar
as mãos perante a multidão teria comentado em voz baixa
com um serviçal: – “Minhas unhas estão horríveis!!!”.
Nero por sua vez, teria posto fogo em Roma só porque
abriram um salão de beleza concorrente ao seu.
Desde então, as bichas criaram hábitos, truques e,
porque não, uma maneira própria de falar,
diferenciando-se a tal ponto que nem se parece
(genericamente) um Homem. Pra bichas tudo é diferente:
* Bicha não fala; sussurra.
* Bicha não mija; faz pipi.
* Bicha não morre; vira purpurina. (as pobres, pois as
ricas viram raiolaser..)
* Bicha não nasce; estréia.
* Bicha não corre; flutua.
* Bicha não casa; junta-se com um bofe.
* Bicha não vai ao salão de beleza; ela já trabalha
lá!!
* Bicha não esconde; camufla.
* Bicha não anda pra frente; dá ré no quibe.
* Bicha não chora; borra a maquiagem.
* Bicha não cansa; fica exausta.
* Bicha não sente frio; sente frescura.
* Bicha não usa sabonete; usa DOVE líquido.
* Bicha não tem pele; tem cútis.
* Bicha não tem patrão; tem chefinho.
* Bicha não cheira; exala aromas.
* Bicha não tem doença; tem saúde pra dar e receber…
muito mais para dar, é claro!!!