No primeiro dia de aula, a professora pergunta aos alunos:
– Joãozinho, qual é a profissao da sua mãe?
– Empregada de escritório, professora.
– E sua mãe, Chiquinho, o que ela faz?
– A minha mãe? A minha mãe é substituta.
– Desculpa, não entendi, Chiquinho!
– Substituta! – repete Chiquinho.
– Essa profissão não existe, Chiquinho. Por favor, explica o que sua mãe faz!
– Bem, ela fica numa esquina, aí vêm uns senhores que lhe dão dinheiro, ela entra com eles para um quarto do Hotel e, passados uns quinze minutos, os senhores saem apertando o cinto da calça…
– Mas Chiquinho, diz a professora espantada, a sua mãe não é “substituta”, é “prostituta”!
– Não, não! Puta é a minha tia que está doente. A minha mãe está cuidando do ponto dela…