Infeliz com o seu casamento e inspirado por um filme que assistira, o português resolve se livrar da mulher.
Enquanto ela dormia, deu-lhe algumas facadas, arrastou o corpo até a sala, fez um buraco no chão e enterrou o cadáver.
Quinze minutos depois, quando terminava de limpar toda a sujeira, toca a campainha. Era a polícia.
– O senhor está preso!
Sem esboçar nenhum gesto de defesa, ele entregou-se.
Diante do juiz, intrigado com a esperteza dos policiais, ele perguntou:
– Puxa, como foi que vocês fizeram para descobrir tão rápido? No filme que eu vi pela TV, o cara fez a mesma coisa e só descobriram 30 anos depois!
Ao que o juiz respondeu:
– Certamente o cara morava numa casa térrea e não num apartamento como o senhor!