Uma senhora deu de cara com uma criança magra e esfarrapada que brincava na beira de uma estrada e puxou conversa:
— Queridinha. O que faz o seu pai?
— O meu pai? Ele bebe!
— Que pena! E a sua mãe?
— Ela bebe também!
— Lamentável! E você tem irmãos?
— Só um. Os outros morreram quando eram bem pequeninos…
— Que horror! E o que faz esse seu irmão?
— O meu irmão? Ele está na faculdade de medicina.
— Na faculdade de medicina? Mas, que beleza! E o que é que ele faz lá?
— Está num frasco de álcool.