A bicha entra num banheiro público para fazer xixi. Ao lado dela está um corcunda fazendo o mesmo. Quando a bicha percebe o tamanho descomunal do pau do aleijado, diz:
— Minha nossa! Se eu tivesse um assim, ficava com ele na boca o tempo todo!
E o corcunda:
— E você acha que eu sou corcunda por quê, querida?